Páginas

#151 Tirinha de Astronomia

Para ver mais tiras como essa, acesse: www.willtirando.com.br

Você pode não acreditar, mas antes de usar a luneta, o ser humano usou os olhos para estudar o céu. Isso aí, os olhos.

Hoje em dia, se você mora em uma cidade grande, a visão do céu é prejudicada por conta das inúmeras luzes de postes, outdoors, lojas, restaurantes, prédios, blá blá blá.

Quem mora num lugar mais afastado das metrópoles, consegue enxergar mais coisas no firmamento, inclusive, parte da nossa via láctea.

A Via Láctea no Observatório Paranal, no Chile. O laseradaptativo do telescópio aponta para o centro galáctico.
Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:A_Laser_Beam_Towards_the_Milky_Way%27s_Centre.jpg

Abaixo, segue a primeira parte de uma aula sobre a Astronomia antes dos telescópios com o professor João Steiner, do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da USP


Clique aqui e assista à segunda parte da aula.

Caso queira saber o que é visto no terceiro quadro da tirinha, clique no link a seguir: http://www.stellarium.org/pt/

►Clique nos ícones abaixo e compartilhe nas redes sociais!

#150 Tirinha de Química


Por que os balões voam?

O gás hélio é muito usado para encher balões de festa pelo fato de ser muito mais leve do que o ar que respiramos. É por este motivo que os balões voam.

Ok, muito legal essa informação, mas será que os balões vão voar para todo sempre?! Na verdade, a pergunta deveria ser: "O hélio sempre vai existir?"

ops!  

Estamos acostumados (muito mal acostumados) a achar que tudo vai durar para sempre. A água não vai acabar, sempre teremos comida, o petróleo é infinito, o Silvio Santos é imortal, blá blá blá.

De acordo com a Global Footprint Network, o Silvio Santos não é imortal se todas as pessoas do mundo vivessem como um norte-americano comum, precisaríamos de 5 planetas para suportar a demanda. Sem contar que, com apenas um planeta (que é nossa realidade), os recursos naturais acabariam em pouquíssimo tempo.

Segundo o Nobel de Física Robert Richardson, as reservas desse gás nobre estão acabando. Em mais ou menos 25 anos, o hélio acabará.

Mas não fique triste, os balões continuarão a existir, o Silvio Santos por pouco tempo, mesmo porque só precisamos de um gás mais leve que o ar para fazer a alegria da criançada. Sem contar que, os balões não são os responsáveis pelo fim do gás hélio. Equipamentos de ressonância magnética, reatores nucleares e telescópios espaciais usam componentes que só podem ser resfriados com hélio líquido. Como é o elemento com menor ponto de ebulição, 267ºC abaixo de zero, não tem substituto.

Fonte: http://veja.abril.com.br/noticia/ciencia/o-helio-esta-acabando-diz-fisico-vencedor-do-nobel

Assista ao vídeo abaixo e aprenda a encher uma bexiga (ou balão, dependendo de sua região no Brasil) sem gás hélio e sem assoprar.




►Clique nos ícones abaixo e compartilhe nas redes sociais!

#149 "Tirinha" de Biologia


Visando disseminar o conteúdo do blog 'Humor com Ciência' para um público maior (incluo aqui os deficientes visuais), resolvi criar uma versão em áudio das tirinhas que desenhei. Espero que gostem.

Agradecimentos especiais ao Romenig que, além da vinheta, dublou o apresentador, o mágico Platelmintus e uma das planárias. Não posso esquecer da Carol Böck, que fez o vozerio das planárias.
Muito obrigado!

Baseado na tirinha: www.humorcomciencia.com/2012/08/122-biologia.html

►Clique nos ícones abaixo e compartilhe nas redes sociais!

#148 "Tirinha" de Filosofia


Visando disseminar o conteúdo do blog 'Humor com Ciência' para um público maior (incluo aqui os deficientes visuais), resolvi criar uma versão em áudio das tirinhas que desenhei. Espero que gostem.

Agradecimentos especiais ao Romenig que cedeu sua incrível voz para a gravação da vinheta.

Para ver a tirinha, clique aqui.

►Clique nos ícones abaixo e compartilhe nas redes sociais!